Histórico

a) Evolução Histórica do Programa

Em 2019 o Programa fez 26 anos de existência. Neste período foram desenvolvidas e defendidas 259 teses, sendo 205 de mestrado e 54 de doutorado.

Em 1992 no intuito de ampliar as oportunidades de acesso à PG estrito senso no Paraná e Sul do Brasil (onde na época existia somente dois programas de ME e DO, UFPR e UFRS) a Sociedade Evangélica Beneficente de Curitiba decidiu abrir um novo programa localizando-o na Faculdade Evangélica do Paraná (26 anos de existência naquele ano), e Hospital Universitário Evangélico de Curitiba (50 anos), que representava o maior complexo hospitalar do estado do Paraná. Considerando-se madura no contexto educacional e assistencial entendeu a tarefa factível para ser apresentada com bom nível de qualidade. Também na pesquisa, a Instituição já tinha importante contribuição na aplicação de novas tendências clínicas e tecnológicas através de inúmeros ensaios clínicos internacionais que foi berço com grande sucesso em função do grande número de atendimentos ano. E assim começou dando prosseguimento ao processo de estabelecer base estrutural para pesquisa experimental e de laboratório, e entendendo o necessário caráter investigativo na ciência cirúrgica. Em 1993 construiu o Instituto de Pesquisas Médicas – IPEM (mais detalhado adiante) que alberga todas as atividades de pesquisa experimental e laboratorial/clínica do Programa. É instalado em prédio próprio e específico em área próxima do campus central da IES, mas independente dela. Ele foi desenhado arquitetonicamente para atender com fluxos adequados as necessidades de pesquisa animal e experimental, não contando com área para atendimento de pacientes, visto que os ambulatórios do hospital são a poucos passos de distância. O IPEM é destinado exclusivamente ao PPG em tempo integral de funcionamento diário. Tem as certificações oficiais nas quais se baseiam as condições de obediência para o bom funcionamento da pesquisa em animais.

Desde sua criação o Programa tem tido a preocupação em procurar modernizar os meios técnicos para acompanhar o desenvolvimento das linhas de pesquisa com verbas próprias da IES ou através de convênios estabelecidos e em andamento com fontes de fomento. A modernidade do ambiente e das pesquisas é estimulante aos alunos e pesquisadores que por lá circulam.

A produção intelectual da massa crítica deste PPG está basicamente alicerçada nos estudos experimentais realizados nas dependências cirúrgicas no IPEM e nas pesquisas clínicas no HUEC que se localiza a 50 metros do IPEM.

Em 2015 iniciou-se convênio, com os Estados Unidos da América no Boston Children’s Hospital, Harvard Medical School – Massachusetts. Marcadores anatômicos utilizando novos equipamentos de imagem existentes e/ou em desenvolvimento podem ser fonte futura de melhor localização dos processos patológicos com vistas ao mini acesso cirúrgico no tratamento de doenças. Assim pensando e associando a ida de nossa aluna Roberta Redher (aluna de mestrado) para Boston para estágio no Department of Neurosurgery nesse hospital, foi desenvolvido junto com o Prof. Alan Cohen

 

 

b) Consistência, coerência e articulação das áreas de concentração, linhas e projetos de pesquisa.

O programa sempre se preocupou em conduzir sua produção intelectual no eixo: área de concentração – linha de pesquisa – projeto de pesquisa vinculado – publicação de artigo resultante do projeto.

Este eixo constitui-se sempre a base da sua produção científica. Cada aluno que pretende cursar o mestrado ou doutorado é orientado a apresentar projeto bem definido nas linhas de pesquisa respeitando este eixo. É também instruído a frequentar disciplinas de formação acadêmica e também as voltadas às linhas de pesquisa ofertadas de acordo com o nível de seu curso. Há também estímulo para fazer estágios tanto no Brasil como no exterior.

A seguir destacam-se os alunos de Iniciação Científica que foram contemplados no programa Ciências Sem Fronteira 2016:

 

 

c) Credenciamento e recredenciamento de docentes

O Programa tem como indicadores de qualidade para seleção dos professores da sua massa crítica - para ser incluído, mantido ou recredenciado - a produção bibliográfica, atividades com docência e pesquisa. Nela se verifica a quantidade de publicações em revistas de Qualis mais elevado, atividade técnica que reflita o reconhecimento do seu trabalho profissional pelos pares, atividade docente em graduação e pós-graduação, e atuação em iniciação científica.

 

 

d) Apoio de hospitais universitários com políticas voltadas para pesquisas translacionais e tecnológicas

O programa tem ligação direta com o Hospital Universitário Evangélico de Curitiba (HUEC) que é o maior complexo hospitalar privado voltado ao SUS no estado do Paraná. É de nível terciário e contempla em suas atividades todos os procedimentos médicos de alta complexidade em todas as especialidades, sendo referência as de interesse público importantes, como serviço de queimados, de cirurgia bariátrica, cirurgia vascular avançada, dentre outros. Tem capacidade para 600 leitos e os ambulatórios diversos atendem o montante de aproximadamente 550 pacientes/dia. Tem o maior pronto-socorro público da cidade com intensa atividade em cirurgia do trauma. Estes enfoques abrangentes na atenção à saúde permitem que pesquisas aprovadas possam ser aplicadas na prática diária de forma imediata, dando caráter translacional ao que se produz no programa. Também, desenvolvimentos em parceria com entidades congêneres, tanto no Brasil como no exterior, permitem que se desenvolvam e se aplique avanços tecnológicos tanto no programa e como no HUEC. Em recente estudo que mediu a eficiência dos 100 hospitais que mais receberam recursos públicos no Estado do Paraná realizado pelo TCE-PR (Tribunal de Contas do Estado do Paraná) o HUEC recebeu a nota máxima (1,0) ficando em primeiro lugar no ranking. Este fato demonstra a boa condução administrativa e contábil que dá tranquilidade à nossa PPG em elaborar projetos de pesquisa translacionais dentro da própria IES.

 

 

e) Desenvolvimento de pesquisas arquitetadas pela iniciativa privada

Em 2015 iniciou-se parceria científica com o Instituto Paulo Nassif, entidade privada, voltado à pesquisa em obesidade. É instituição adequadamente montada para exercer o tema em sua plenitude composto por profissionais de todas as áreas da saúde correlatas à cirurgia bariátrica, ou seja, cirurgiões do aparelho digestivo, nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas e enfermagem. A intenção é oportunizar pacientes para a execução dos trabalhos em andamento, já citados, e criar novas pesquisas sempre focando o aspecto translacional para a obesidade.

 

Contato / Localização

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRINCÍPIOS DA CIRURGIA

 

  • Alameda Algusto Stellfeld, 1980
    Bigorrilho - Curitiba / PR
    CEP: 80730-150
  • Fone: +55 41 3240-5488
  • E-mail: ipemppg@fepar.edu.br

Hora Local

Quinta, 28 Maio 2020

Previsão do Tempo

Trovoadas

27°C

Curitiba

Trovoadas

Umidade: 65%

Vento: 33.80 km/h

  • 03 Jan 2019

    Trovoadas 30°C 21°C

  • 04 Jan 2019

    Trovoadas 28°C 20°C

Topo